Saltar para o conteúdo principal da página
A carregar...

Ficha de projeto

Nome

BioShoes4AII

Valor total do projeto

41 milhões €

Valor pago

7,82 milhões €

Financiamento não reembolsável

41 milhões €

Financiamento por empréstimos

0 €

Data de início

07.09.2021

Data de conclusão

31.12.2025

Dimensão

Transição Climática

Componente

Bioeconomia

Investimento

Bioeconomia

Código de operação

02/C12-i01.01/2022.P11

Sumário

O BioShoes4All tem como objetivo principal contribuir para a transformação do Cluster do Calçado e Moda num Ecossistema Inclusivo e Sustentável, mobilizando toda a cadeia de valor, visando: 1. Satisfazer e antecipar necessidades humanas, ambientais e económicas e promover o potencial de bio recursos e tecnologias, novas e emergentes, no desenvolvimento de soluções inovadoras para os materiais, processos, produtos e serviços, úteis para a sociedade e comercializáveis pelo cluster no mercado global. 2. Promover a evolução do cluster para a produção de biomateriais e produtos circulares, tecnologias avançadas e digitais e novos modelos de negócio e comercialização, com elevado conteúdo tecnológico e potencial de diferenciação, capazes de gerar impactos significativos, transversais e abrangentes em todo o cluster, contribuindo para a recuperação, resiliência e competitividade do País. 3. Contribuir para o aumento da investigação aplicada; a transformação de conhecimento em processos, produtos e serviços requeridos pelas empresas e sociedade; a demonstração de soluções industrializáveis para potenciar o efeito multiplicador no sistema económico; e a qualificação dos recursos humanos visando a criação e internalização de uma cultura que estimule o emprego qualificado e a inovação. 4. Consolidar a indústria portuguesa de calçado como um dos principais produtores europeus, mantendo a base produtiva nacional forte, pautada por elevados padrões de sustentabilidade e responsabilidade social, contribuindo para os objetivos de desenvolvimento sustentável, promovendo a prosperidade económica e o bem-estar, baseados na reutilização eficiente dos recursos, na neutralidade carbónica e na digitalização. Para responder aos objetivos visados pelo presente projeto foi reunido um consórcio completo de excelência cuja constituição tem por base a complementaridade de competências e de interesses de todos os promotores. O projeto foi desenhado e organizado de forma a promover sinergias entre os diversos co-promotores mediante a partilha de objetivos, riscos e eventuais incertezas. De forma a potenciar a implementação industrial e posterior comercialização dos produtos desenvolvidos, cada objetivo/resultado foi associado a uma empresa, que deverá integrar os resultados de I&DT na sua atividade económica e/ou estrutura produtiva. O consórcio integra uma equipa multidisciplinar, complementar e sinérgica constituída por 69 parceiros: 12 empresas fabricantes de marroquinaria e calçado, 14 de couros, 12 de materiais e componentes, 4 de produtos químicos, 5 de tecnologias de produção e software, 1 de retalho Sonae, 2 associações, 1 Colab, e 18 Entidades de IDT. O líder (APICCAPS) e o diretor do projeto (CTCP) possuem a grande experiência, capacidade de gestão, entrosamento, excelente relacionamento com todos os co-promotores e reconhecimento de mérito e competências para as funções pelo Cluster do Calçado e Moda.

Beneficiários

No âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência, existem duas tipologias de beneficiário que têm a responsabilidade de executar os projetos, aplicando o financiamento recebido. Dado o seu papel comum, a referência a estas duas tipologias de beneficiário foi simplificada e unificada no termo “Beneficiário”.
As duas tipologias são:
  • Beneficiários Diretos são aqueles cujos financiamento e projetos a executar constam do Plano de Recuperação e Resiliência negociado e aprovado pela União Europeia;
  • Beneficiários Finais são aqueles cujos financiamento e projetos a executar são aprovados após um processo de seleção, feito através de Avisos de Candidaturas.

Aviso de Candidaturas

Na realização dos Avisos de Candidaturas são solicitadas candidaturas para a escolha dos projetos e dos beneficiários finais a quem é atribuído o financiamento.

A avaliação do projeto é realizada com base na sua conformidade com os critérios de seleção definidos nos avisos de candidatura, podendo ser atribuída uma nota final, quando aplicável.

Nota final da avaliação

4,9
Nota importante

Poderá encontrar os componentes do cálculo da nota de avaliação no documento de critérios de seleção referenciado em baixo.

Critérios de seleção

Os critérios de seleção de financiamento a que este projeto e respetivo beneficiário final esteve sujeito e a sua classificação podem ser consultados em detalhe na plataforma Recuperar Portugal.

Beneficiários

Beneficiários intermediários

Beneficiários

Contratação pública

Os Beneficiários que sejam entidades públicas operacionalizam o seu projeto através da celebração de um ou mais contratos de fornecimento de bens ou serviços com entidades fornecedoras, através de procedimentos de contratação pública.

De forma a garantir e disponibilizar o máximo de transparência na contratação pública, é aqui disponibilizada a listagem dos contratos que foram celebrados ao abrigo deste projeto e respetivo detalhe que poderá consultar na plataforma Base.Gov. De realçar que de acordo com a legislação em vigor no momento da celebração do contrato, existem exceções que não exigem a sua publicação nesta plataforma, pelo que nesses casos, poderá não existir informação disponível.

Distribuição geográfica

41 milhões €

Valor total do projeto

Percentagem de valor já pago para a execução de projetos

, 19,1 %,

Onde foi aplicado o dinheiro

Por concelho

25 concelhos financiados .

  • Porto 9,02 milhões € ,
  • Alcanena 8,05 milhões € ,
  • São João da Madeira 5,8 milhões € ,
  • Guimarães 2,92 milhões € ,
  • Lisboa 2,37 milhões € ,
Fonte AD&C, EMRP
19.06.2024